Não se usa hífen

em 14 de agosto de 2013



- Em certas palavras que perderam a noção de composição, como:
Girassol, madresilva, mandachuva, pontapé, paraquedas, paraquedista.

- Em compostos que apresentam elementos de ligação:
pé de moleque, pai de todos, dia a dia, fim de semana, cor de vinho, cara de pau, olho de sogra, Deu me livre, cor de burro quando foge, faz de conta.



Exceções:
Água-de-colônia, arco-da-velha, mais-que-perfeito, pé-de-meia, ao deus-dará, à queima-roupa, cor-de-rosa.
(Isso mesmo, se você prestou atenção cor de vinho não tem hífen, mas cor-de-rosa tem!)

- Fora do sentido original, exemplo: bico de papagaio (doença); olho de boi (selo).

Lembrando que usa-se, diante da palavra iniciada com H, mas tem uma exceção : subumano (perde o H e excluísse o hífen).

- Quando o prefixo terminar em vogal diferente da vogal com que se inicia o segundo elemento:

Aeroespacial
Agroindústria
Anteontem
Antiaéreo
Autoaprendizagem
Autoescola
Coautor
Infraestrutura
Extraescolar

-Quando o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa com as consoantes que não seja R ou S:

Anteprojeto
Autopeça
Coprodução
Microcomputador
Pseudoprofessor
Semicírculo
Seminovo
Ultramoderno

- Quando começar com R ou S, deve-se dobrar essas letras:

Antirracismo
Antirreligioso
Antissocial
Contrassenso
Microssistema
Minissaia
Neorrealismo
Semirreta
Ultrassom

- Quando o prefixo termina em consoante e o segundo elemento começa com vogal:

Hiperacidez
Interestadual
Superamigo
Superaquecimento
Superexigente
Superinteressante

Como podemos notar nesses dias, esse novo acordo ortográfico é bem complexo, porém cheio de exceções. É importante reconhecer as mudanças, mas também é preciso ter a consciência que o acordo é feito para gerações futuras.

Eu costumo dizer que mais difícil do que aprender é “desaprender” e “reaprender”...

Porém obviamente não é por essa razão que tentaremos estar o mais próximo possível da língua portuguesa atual, afinal somos 190 milhões de pessoas falando e escrevendo essa língua no Brasil, somos o país que mais tem habitantes dos que participam do acordo. Vale a pena dizer que, somos também o país que mais aplicou até agora as novas regras, contando com editoras, softwares e veículos de comunicação.

De acordo com as atualizações e dicas que obtivermos vamos postando para vocês:

Indico a vocês o mesmo site que usamos no curso de Redação Oficial, E-Mails eficientes e Acordo Ortográfico:
Por Michaelis – Guia Prático da Nova Ortografia (Douglas Tufano)

Corretor Virtual:
Um Português - http://umportugues.com

Lembrando que tudo que é virtual merece uma atenção especial

Agradecimento especial, Gisele, João Vaz e EDAP de forma geral!



Déia Neves

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário, é muito importante para nós!