All I Have (Farmer's Markert 1) - Nicole Helm

em 6 de setembro de 2014



Quem conhece meus hábitos de leitura sabe que eu sou bem preconceituosa com os tipos de livros que leio. Até um tempo atrás só lia romances históricos, demorou muito pra eu reconhecer a beleza dos contemporâneos. Livros paranormais, com vampiros, lobinhos e etc? Vixe, só comecei a me aventurar por essas bandas esse ano, e por enquanto só me atrevo a ler os livros da Nalini Singh com a sua maravilhosa serie Psy-Changeling. Agora, uma barreira gigante que eu tenho é com os livros rotulados NA (New Adult). Esses com jovenzinhos na faculdade e tão cheios de drama e tragédias que nem eu, com 26 anos de vida, consegui sofrer como o povo desses livros sofrem! Eu sei que sou minoria, todo mundo AMA esses livros, mas eu não me encanto, já abandonei milhares deles. Hoje em dia, eu só leio aqueles que são super-recomendados e ainda assim, eu tenho que ler várias resenhas pra ver se eu vou gostar. O livro que vou resenhar hoje é um desses vitoriosos! All I Have conseguiu passar pela minha frescura e me fez suspirar de tanta fofura!

Mia e Dell são jovens fazendeiros que aparentemente não poderiam ser mais diferentes. Mia é uma menina super tímida, estabanada, que se esconde embaixo de roupas e óculos grandes. Tudo pra ficar invisível e não ser foco das piadas de mal gosto que recebia quando estava na escola. Dell é o garoto bonitão, que todo mundo gosta e que aparentemente, não tem problema algum, afinal, a banca dele na feira vive lotada de garotas doidas pelo seu peito nu e pelas suas verduras.


Mas na verdade, eles têm mais em comum do que você possa pensar. Ambos precisam vender bem na feira desse ano, Dell mais do que todos, pois por mais que ele se esforce para mostrar o seu valor e que ele pode comandar a fazenda da família bem, o pai dele não vê nada disso, e pensa em vender a propriedade. Na verdade, todos o veem só como um rostinho bonito e sem cérebro, sabe? Mia já tem total apoio da família dela, mas ainda é taxada como a geek esquisita da escola. Toda inteligente, mas com zero chances de se socializar. Ela tem 26 anos e ainda é virgem e nunca beijou.


Eles são meio que inimigos na feira, um tentando vender mais que o outro, e isso nos rendem muitos momentos bem engraçados. O tempo vai passando e eles começam a interagir e realmente conhecer um ao outro. É tão fofo, gente! Ambos são vulneráveis e eles vão aprendendo a ver que por trás daquela fachada de garota tímida e inteligente e menino bonito, mas burrinho, existem pessoas de verdade, boas e cheias de vontade de serem reconhecidas por quem elas realmente são.


Mia e Dell tem uma super química, são engraçados e fofos. Eu quase choro um monte de vezes, meu coração partido pela luta que Dell tem que travar todos os dias para mostrar o seu valor ao pai e por Mia se apaixonando pela primeira vez e saindo da sua concha para enfrentar o mundo. Mas também suspirei horrores com esses dois sendo românticos até não poderem mais! Super recomendo esse livrinho. Leitura rápida, doce, que vau aquecer seu coraçãozinho!

By Gisele Pinheiro

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário, é muito importante para nós!