O CONDE CIGANO

em 10 de maio de 2014



HUNDER & ROSES - MARY JO PUTNEY
(O Conde Cigano)

Thunder and Roses é conhecido aqui no Brasil como O Conde Cigano (titulozinho brega, na minha opinião). Quando esse livro foi lançado pela finada Nova Cultural, foram muitos os comentários de o livro era ótimo. Como eu já tinha lido Um Beijo do Destino, da mesma autora e tinha gostado muito, eu pus na listona. E num é que a história é boa mesmo?!!!?!!

Me fez relembrar os primeiros romances que li, e que fizeram eu me apaixonar pelo gênero.

Nicholas Davies é um mestiço. Metade cigano e metade inglês. Nobre inglês. Herdeiro a um condado. Ele viveu quase toda a sua vida com esse estigma. Ele foi vendido pela mãe ao seu avô ainda pequeno, e esse avô o odiava por causa da sua cor.

PARÊNTESES: Como esses ingleses são bobos. Quem disse que ser branquelo veio é sinônimo de beleza?? Digo por experiência, os morenos são MUUUUITO mais bonitos e gostosos dos que os branquelos ingleses... Eu até posso imaginar o Nicholas, todo café-com-leite. Totoso, totoso...

Enfim, o bichinho sofre foi muito, foi traído pela mãe, avô e mulher. Todos esses morrem de maneiras bem suspeitas e quem sai como o culpado? Nicholas, coitado. Mas ele até que é bem resolvido. Vai viver a vida dele.

Quando retorna a Wales ele é abordado por nossa mocinha, Clare. Ela quer que o Conde ajude a comunidade, recuperando a mina etc. Nicholas que não é bobo nem nada, propõe uma barganha. Ele ajuda, mas ela vai ter que morar com ele por 3 meses e ele vai ter direito a um beijo por dia.

Ela, mesmo sendo filha de ministro e tudo, aceita, mesmo sabendo que iria ser hostilizada pelos seus. Tudo em função de um bem maior. A interação dos dois começa ai. A primeira parte da historia é irretocável. Ótimos diálogos, a tensão sexual entre eles é muito bem construída e aos poucos vamos conhecendo os segredos de ambos.

O livro não é só romance. Temos aventura – eu morria de medo toda vez que eles iam pra mina, sabia que sempre iria acontecer algo de ruim – temos suspense – a vida de Nicholas é ameaçada no final do livro – temos amizade – é muito legal ver os outros Fallen Angels juntos, assim como os amigos de Clare da vila. A escrita de Putney é bem boa e deixa a gente doidinho para comer o livro e saber logo o que vai acontecer.

A trama não tem nada de revolucionaria, mas é uma ótima diversão. Você lê rapidinho e a história dos dois te prende bastante.

Se você ainda não leu, eu recomendo!

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário, é muito importante para nós!