Coragem é o contrario do medo

em 20 de novembro de 2010



Difícil lidar com sentimentos, mas existem outros tantos que convivemos... medo, frustração, carência é algo que tem dois lados como quase tudo na vida, temos que ter orgulho suficiente para manter nossa vida sob nosso controle, “orgulho próprio” para não deixarmos pessoas nos usarem ou nos induzirem, mas humildade para reconhecer quando é um orgulho infantil, quando nos prejudica ou nos afasta de quem amamos.

Eu estou falando só de mim sabe, da dificuldade eu tenho com tantos sentimentos, com o medo, com a fragilidade que eu não consigo expor, transparecer, mas que existe, do medo de ser infantil, de deixar tudo de lado e me entregar as minhas viagens loucas, RS...

Quando eu escrevo, por exemplo, tento me manter no campo do plausível, sem expor, sem ser direta demais... Mas dentro de mim, existe alguém que sente tanto as coisa, que vive e sente dor, angustia, tristeza, solidão... Que se comove, mas eu to bem treinada para disfarçar, porém há momentos que a gente não quer disfarçar, a gente quer ser criança mesmo, quer dizer: “me da colo?”, “me deixa ficar aqui encostada mais um segundo?” Aí o orgulho se dissipou...

Às vezes o orgulho é usado de forma útil, quando alguém nos humilha e você reage, não de forma agressiva, mas você consegue transformar aquilo em algo bom, em algo que acrescentará em sua vida, quando você questiona, pergunta, olhando nos olhos e a resposta vem...

Hoje eu só queria achar  “um jeito novo pra fazer, um jeito novo de me mostrar” (trecho da musica. Pra você guardei o Amor)! Hoje eu sinto necessidade de deixar o orgulho, medo, timidez e aflição do lado, para ser eu e permitir que as pessoas encontrem o meu verdadeiro, que eu mesma perdi em algum canto e tento resgatar! Frágil, temerosa, sensível, que às vezes precisa mascarar tudo isso para continuar de forma firme com as idéias e seguir as metas... E deixar uma mensagem, que todos podem ser frágeis às vezes, temerosos, isso não é feio, é simplesmente humano!

A vida se transforma a cada dia e mudar e se metamorfosear, é uma tentativa de buscar e encontrar a felicidade... como diz uma musiquinha infantil, “coragem é o contrario do medo”, e pra ser feliz temos que perder o medo de andar e dar o primeiro passo...

Eu vou tentar andar, estou indo, vamos?

Vamos juntos porque se eu cair ou você teremos como dar a mão um ao outro e tentar e tentar e tentar infinitamente... Porque o melhor é não estagnar, nunca desistir de ser feliz, porque no final tudo dá certo, se não deu certo ainda é porque não é o final! 
Déia Neves 

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário, é muito importante para nós!